in ,

A 5 habilidades mais procuradas pelo Linkedin

Human resources and self-development. Modern business - vector illustration

O Linkedin elaborou uma pesquisa e ela aponta que, até 2022, a tecnologia vai substituir cerca de 75 milhões de empregos no mundo. Ao mesmo tempo, mais de 133 milhões novas de ocupações serão criadas a partir dos impactos tecnológicos no mercado de trabalho.

E, mesmo nesse cenário, em que as dinâmicas trabalhistas são pautadas cada vez mais pela tecnologia, as habilidades interpessoais seguem sendo essenciais.

Segundo o levantamento, as cinco habilidades que os empregadores têm mais dificuldade em achar no mercado envolvem soft skills. São elas:

  1. Pensamento crítico e resolução de problemas;
  2. Adaptabilidade e flexibilidade;
  3. Comunicação;
  4. Liderança;
  5. Criatividade.

Os dados foram apresentados por Feon Ang, vice-presidente de Talento da rede social na Ásia-Pacífico. Para a executiva, o desenvolvimento dessas habilidades requer um esforço conjunto entre empresas, que devem investir em seus colaboradores, e os próprios profissionais, que precisam ser proativos na procura por oportunidades de desenvolvimento.

“Tudo está relacionado com se colocar em situações inconfortáveis e buscar aprimorar essas habilidades. Você precisar estar bem em não ser ótimo (em alguma coisa), porque quanto mais fizer isso, melhor você ficará”, disse a executiva em entrevista à CNBC.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Teste do café, utilizado em todas entrevistas por um diretor

Rankings das 10 empresas mais desejadas em 2019